12 junho 2006

Domesticados---------------

Bairro S. João de Deus, Porto

....é isso que nós estamos

8 comentários:

blacksheep disse...

ninguém sabe quem dá as ordens. mas elas cumprem-se...

Devir disse...

Isto está um luxo visual de bom gosto que aumenta exponensialmente de dia para dia.
Continua! Não sei onde vais parar... Mas, maniaco depressiva não é com toda a certeza! ...que eu não deixo!

Keep on rocking!

Muito Bom

Anónimo disse...

o graff é lindo, mas qto a domesticados, cada um fala por si...

Desinformador disse...

they say jump u ask how high?

não acredito que sejas assim... isto é só um grafo para calar as mentes preguiçosas que grassam por aí...

Milocas disse...

não te conformes na rotina: descobre uma coisa nova em ti, para ti, em cada novo dia.

e depois, partilha-a :))

p.s. vamos libertar estes grilhões :P e espalhar 'coisas novas' por aí ;)

K disse...

Mas será que ninguém reparou no cifrão da figura que segura a trela?!?! É preciso legendas??

Não sou assim não, tento dentro do possível rebelar-me e quebrar a rotina (aliás, sou usualmente chamada de reivindicativa, sindicalista e comunista só por fazer frente ao pré-estabelecido), mas a verdade verdadinha é que todos nós de certo modo somos escravos do dinheiro, pois não conseguimos viver sem ele. E por isso, por vezes, mais uns que outros, sujeitamo-nos aos caprichos do patronato e do capitalismo. Se analisarem bem a sociedade verão que sim. E comecem pelas pequenas coisas. Por exemplo, e dando apenas um exemplo, porque continuamos a usar e abusar do petróleo e não utilizamos mais energias renováveis? (e eu nem tenho carro)
Quem é que pode afirmar que não é em nada domesticado? Só se for o eremita, o despojado de qualquer bem material, o que subsiste somente do que a terra lhe dá.

P.S.:Desinformador, essa é provavelmente a minha música preferida de RATM, tanto que ainda sei a letra.

K disse...

Ah! Meu querido Devir, no cabeçalho do blog está escrito manioco-obsessiva e não depressiva (já és a segunda pessoa que me diz isso...). É outro tipo de psicose, mais a dar para a fixação, 'tás a ver? ;) E a minha vénia de agradecimento pelo elogio. De quem vem ainda tem mais valor.

dolce vita disse...

opa opa... subsistir so do que a terra nos dá! pá isso é que tb não! isso tb nao e liberdade... raios! era o que faltava nao ter a minha internet! nao ir ao restaurante comer um belo petisco, sem ter de fazer nada, alem de sacar uns euros :P :) mas a mensagem tá lá!